segunda-feira, 7 de novembro de 2022

Brasileiro de Kart encerra Grupo 2 na Paraíba com Olin Galli chegando ao recorde de 12 títulos e Renato Russo Decacampeão

0 comentários

Disputa no Circuito Internacional Paladino teve ainda três bicampeões e seis novos vencedores da maior competição de kart do país

Mais uma Final de muitas disputas eletrizantes no 57º Campeonato Brasileiro de Kart. Neste sábado (5), foram conhecidos 12 campeões nas categorias 2 Tempos no Circuito Internacional Paladino, no Conde (PB).

Organizada pela Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA), a maior competição de kart do país foi realizada pela segunda vez na pista paraibana e teve como principal destaque o carioca Olin Galli, de 26 anos, que foi o campeão nas categorias OK FIA e Graduados. Com as duas conquistas, ele passa a somar 12 títulos e se isola como recordista no Campeonato Brasileiro de Kart.

O paulista Renato Russo, de 55 anos, também chegou a um marco importante. Vencedor na Super Sênior, ele é agora decacampeão da competição. Três pilotos chegaram ao segundo título: Amilcar Mugnaini (Sênior 60+), Digão Soares (Sênior) e Theo Salomão (Júnior Menor).

Os demais sentiram o gostinho de ser campeão Brasileiro pela primeira vez: Cylmar Fortes (Super Sênior Master), Lourenço Varela (Mini 2 T), Kaio Dias (Sênior B), Alfredo Ibiapina (OK Júnior), Edu Perez (Novatos) e Gui Favarete (Júnior).

Corridas cheias de emoção e novo recorde

Na Super Sênior Master, que abriu a programação, a corrida terminou “quente” com Cylmar Fortes e Euvaldo Luz brigando pela vitória. Apesar de Luz ter cruzado a linha de chegada na frente, ele foi punido por atitude antidesportiva na ultrapassagem sobre Fortes na volta final e o rival faturou o seu primeiro título nacional.

“Foi uma corrida super disputada, do começo ao fim. Todas as provas foram bem difíceis. Eu e meu oponente andamos sempre juntos. Na Final, ele estava mais rápido e esperei o momento certo para passar. Depois, ele quis praticar um ato antidesportivo e os comissários viram. Estou muito feliz e agora é buscar mais um título no Light em São Paulo”, declarou o paulista de 56 anos, que já faturou em julho a Copa Brasil de Kart em Sergipe.

Na Sênior 60+, Amilcar Mugnaini chegou ao seu bicampeonato nacional. No ano passado, o piloto foi o campeão da Super Sênior Master. “A conquista foi excelente. Foi um ‘corridão’, muito disputado. Estou muito feliz”, comemorou o paranaense de 60 anos.

Na Mini 2T, mais um novo campeão: o catarinense Lourenço Varela, de 10 anos. “Foi muito bom. A gente estava doido para chegar na frente e ganhar, mas consegui abrir uma vantagem boa e ganhar com tranquilidade”, contou.

Já na Sênior B, Kaio Dias não deu chances aos adversários. Depois de fazer a pole, vencer todas as baterias e a Pré-Final, ele chegou ao seu primeiro título brasileiro. “Eu vinha batendo na trave. Foram dois anos na Novatos, que foram difíceis. Agora, na Sênior B, fui campeão. É muito gratificante, estou muito emocionado”, disse o paulista de 28 anos.

Na sequência, veio a categoria OK FIA e o primeiro título do dia para Olin Galli. Com a conquista, ele havia se igualado naquele momento a André Nicastro como o maior campeão do Brasileiro de Kart, com 11 títulos cada um.

“Foi muito suado! A semana toda estava o Gabriel (Gomez) ali junto comigo. A gente virava o mesmo tempo e no final eu consegui pular para primeiro. Ele vinha sempre junto. A gente veio décimo a décimo, sem perder um milésimo, sempre na mesma referência. Então, faltando umas seis/sete voltas para o final ele acabou arriscando uma ultrapassagem, não deu certo, acabou rodando e eu consegui levar o 11º título.
Estou muito feliz sendo o maior campeão brasileiro junto com o André”, comemorou um pouco antes de conquistar o 12º título na Graduados.

“Olha, não tem nem o que falar. Estou muito feliz! Meu 12º título. Duas vezes campeão brasileiro no mesmo dia. Um sonho bater esse recorde e agora, na liderança isolada. Estou muito feliz mesmo! Muito emocionado. Eu não acreditava muito na Graduados, pois o Gabriel (Gomez) liderou todos os treinos, fez a pole, ganhou a Pré-Final e eu consegui, no início, me desvencilhar dele, passar e vencer”, festejou.

Na OK Jr., Alfredinho Ibiapina celebrou seu primeiro título nacional, depois de largar da pole position. “Tudo valeu à pena, todo o nosso esforço este ano para chegarmos aonde chegamos. Então só tenho que agradecer a todos que torceram por mim”, frisou o piloto, que com a conquista também ficou com a vaga para representar o Brasil no Troféu FIA Academy em 2023.

Na Novatos, o paulista Edu Perez, de 17 anos, também foi campeão pela primeira vez. Em julho, ele já havia conquistado o título da categoria na Copa Brasil de Kart. “Estava com um ritmo muito forte e um equipamento muito bom. Quero agradecer a Deus e a todos”, festejou.

Renato Russo também era só alegria com seu décimo título. “Nos treinos, eu vim meio que guardando equipamento, não aparecendo muito, mas na tomada eu acabei errando, larguei de quarto e aí foi só ir pra cima nas baterias. Quero agradecer a todos”.

Gui Favarete, de 14 anos, faturou o título da Júnior para o Mato Grosso. “Eu consegui largar em primeiro, fui muito rápido e ganhei a corrida. Agora vamos para a Graduados no ano que vem”, lembrou o piloto de Cuiabá.

Já o paulista Digão Soares terá um lugar especial para o Paladino em sua história. Em 2016, ele foi campeão pela primeira vez na pista paraibana e repetiu a dose novamente na Sênior.

“Foi muito difícil, eu estava com o kart acertado, mas tentei imprimir um ritmo forte desde o início, aí o João Cunha veio e nós viemos em uma batalha. Eu acredito que foi muito mais que mental porque eu baixava uma volta ele baixava outra, era um contra o outro, foi muito difícil mesmo, mas no final deu certo”.

Fechando as disputas, o goiano Theo Salomão ficou com o título da Júnior Menor. O piloto já havia sido campeão em 2020 na Cadete. “Essa conquista foi um pouquinho mais tranquila. No início da corrida foi mais acirrado, mas aí teve um acidente e eu consegui abrir uma boa vantagem”, completou o piloto de 10 anos.

O Grupo 2 do Campeonato Brasileiro de Kart reuniu 179 inscritos. Vinte federações de automobilismo do Brasil foram representadas, com a maior delegação da Federação de Automobilismo de São Paulo (FASP), com 48 inscrições.

A Federação de Automobilismo do Estado de Santa Catarina (FAUESC) veio em segundo, com 30, e a Federação Paranaense de Automobilismo (FPRA) em terceiro, com 16. Entres os representantes do Nordeste, a Federação Pernambucana de Automobilismo (FPEA) contou com o maior número de inscritos: 11. Os representantes da casa (Federação de Automobilismo do Estado da Paraíba / FAEP) tiveram oito pilotos.

Nesta terça-feira (8), o SporTV 3 exibirá as corridas do Paladino em VT, a partir das 9h30. Todas as Finais também já estão disponíveis no Youtube CBA BR Kart (https://youtube.com/cbabrkart).

Premiações

Além da isenção na taxa de inscrição para a Copa Brasil de Kart de 2023 para todos os campeões, o Brasileiro de Kart no Paladino teve outras premiações especiais.

Rafaela Ferreira, quinta colocada na OK FIA, e Gabriel Gomez, vice-campeão na Graduados, ganharam um teste no BRB FIA Fórmula 4 Brasil, principal categoria escola do país. Eles foram os melhores em suas categorias pleo critério da premiação (15 a 18 anos).

Gomez também ganhou um Curso de Pilotagem Esportiva na Roberto Manzini Centro Pilotagem. O curso garante a filiação como piloto auto PGC “B” e a isenção da primeira anuidade junto à CBA e FASP.

Após os Grupos 1 e 2, o Brasileiro terá sequência agora no Kartódromo Granja Viana, em Cotia (SP), com as categorias KZ Graduados e KZ Sênior/Super Sênior. As disputas serão entre 28 de novembro e 3 de dezembro.

Na mesma data, a pista ainda receberá o 6º Campeonato Brasileiro de Kart Endurance. As inscrições para ambos os eventos já estão abertas: https://inscricoes.cba.org.br/pt/eventos/kgv-2022-57o-campeonato-brasileiro-de-kart-2022-

Os mais bem colocados nas Finais do Grupo 2 (Top-5):

Super Sênior Master
1) 157 - Cylmar Fortes (FADF) 
2) 12 - Euvaldo Luz (FSA) 
3) 111 - Macaco Mamola (FEPAUTO)

Sênior 60+
1) 46 - Amilcar Mugnani (FPRA)
2) 57 - Jorge Borelli (FASP)
3) 18 - José Raul Girondi (FASP)
4) 38 - Valdemir Araújo (FAB)
5) 911 - Roberto Albuquerque (FASP)

Mini 2T
1) 64 - Lourenço Varela (FAUESC)
2) 128 - Bernardo Leal (FPEA)
3) 422 - Daniel Rebouças (FPARN)
4) 21 - Nicolas Guth (FAUESC)
5) 23 - Igor Maia (FAEM)

Sênior B
1) 99 - Kaio Dias (FPARN)
2) 101 - John Louis (FPRA)
3) 89 - Daniel Barbosa (FCA)
4) 07 - Guilherme Fleischmann (FPRA)
5) 19 - Rodrigo Resende (FMA)

OK FIA
1) 04 - Olin Galli (FAUESC)
2) 36 - Enzo Prando (FASP)
3) 11 - Joaquim Junqueira (FAEM)
4) 91 - Lucca Croce (FASP)
5) 18 - Rafaela Ferreira (FAUESC)

OK Júnior FIA
1) 08 - Alfredinho Ibiapina (FPRA)
2) 07 - Gabriel Koenigkan (FADF)
3) 17 - Arthur HOff (FADF)
4) 12 - Fausto Filho (FAUGO)
5) 305 - Guilherme Favarete (FAEMT)

Novatos
1) 05 - Edu Perez (FASP)
2) 270 - Guilherme Heidem (FPRA)
3) 72 - Ubirajara Filho (FAERJ)
4) 125 - André Lobo (FMA)
5) 35 - Bruno Castro (FASP)

Super Sênior
1) 62 - Renato Russo (FASP)
2) 29 - Christiano Mattheis (FAERJ)
3) 19 - Junior Pinto (FAEM)
4) 11 - Beto Rocha (FASP)
5) 211 - Victor Brochado (FPRA)

Júnior
1) 305 - Guilherme Favarete (FAEMT)
2) 127 - Dudu Araújo (FAUESC)
3) 386 - Gabriel Moura (FAUESC)
4) 55 - Murilo Rocha (FASP)
5) 118 - Nicollas Loretti (FAUESC)

Graduados
1) 04 - Olin Galli (FAUESC)
2) 78 - Gabriel Gomez (FAUESC)
3) 91 - Lucca Croce (FASP)
4) 18 - Rafaela Ferreira (FAUESC)
5) 36 - Enzo Prando (FASP)

Sênior
1) 111 - Digão Soares (FPARN)
2) 311 - João Cunha (FPEA)
3) 09 - Julio Conte (FPRA)
4) 41 - Paulo Holanda Filho (FCA)
5) 128 - Dennis Dirani (FASP)

Júnior Menor
1) 51 - Theo Salomão (FAUGO)
2) 88 - Bernardo Gentil (FADF)
3) 728 - Alexandre Leal (FPEA)
4) 264 - Lucas Correa (FAUESC)
5) 112 - João Shimoda (FASP)

Resultados Extra-oficiais

O 57º Campeonato Brasileiro de Kart conta com o patrocínio do Banco BRB e MG Tires.

Mais informações, acesse: www.cba.org.br

Comunicação CBA
Fran Oliveira (Institucional)

Fernanda Gonçalves (CNK)
fernanda@fgcom.com.br

Américo Teixeira Junior
comunicacao@cba.org.br

Deixe seu comentário