quinta-feira, 5 de maio de 2016

Sprint Race: Regularidade é aposta dos pilotos da GP

0 comentários
Foto: Luciano Santos
Terceira etapa do campeonato será no Autódromo Internacional de Curitiba no dia 29 de maio, em circuito e grid inverso

Após quatro corridas disputadas em duas etapas da quinta temporada da Sprint Race, o piloto Caê Coelho que estreou na Sprint Race em 2015, acredita que seja o ano mais competitivo da GP até então. "Todos estão em condições de ganhar corridas e brigar pelo campeonato. Consegui dois bons resultados, ainda preciso melhorar muito nas classificações, mas em termos gerais o importante é ter regularidade e venho obtendo isto", disse o piloto.

No ano passado Caê correu em dupla e, este ano, comandando sozinho o Sprint #55 destacou os pontos positivos e negativos: "correr em dupla é bom pela troca de experiências, poder ter uma referência no mesmo carro, isto ajuda. Por outro lado, tenho podido acumular mais quilometragem de pista, ter um acerto pensando apenas na minha forma de pilotar e com certeza me sentir mais adaptado ao carro. Tem sido uma experiência muito positiva e sem dúvida alguma contribuirá para melhores resultados".

O paranaense Claudio Buschmann faz sua estreia na Sprint Race, vem em constante crescimento. "O início de temporada está sensacional e emocionante. Para um estreante com pouca experiência como eu, é um verdadeiro desafio ao lado de grandes pilotos", afirmou.

Na terceira corrida realizada em São Paulo, Claudio surpreendeu e conquistou seu primeiro pódio. Ele garante que será um ano de muita evolução. "O pódio me mostrou que é possível aprender e evoluir sempre. Vou rever e melhorar minhas metas para que os resultados apareçam!", enfatizou o piloto quinto colocado no campeonato com 52 pontos.

Caê Coelho aprovou o uso da barra estabilizadora pelo piloto dentro do carro durante as etapas. "Toda nova experiência que nos faça entender, conhecer e melhorar a performance do carro é interessante. A Sprint Race tem esta característica de ensinamento e particularmente me agrada bastante, pois o aprendizado é constante. Pude fazer alguns testes nos treinos em Interlagos e foi bacana perceber as diferentes reações e como melhor adaptar este recurso aos ambientes de classificação e corrida", comentou o piloto que é o terceiro colocado na tabela de classificação da GP com 60 pontos.

Para Claudio Buschmann o domínio da barra estabilizadora ainda é um aprendizado. "Ainda não me adaptei completamente a esse nova alternativa de controle, perfeita e eficaz no auxílio da performance. Certamente é um diferencial na categoria e no automobilismo brasileiro", contou. "A Sprint Race é realmente uma categoria fascinante, muito competitiva e desafiadora. Parabéns aos idealizadores, colaboradores e demais envolvidos!", concluiu.

A Sprint Race Brasil têm patrocínio da Alpina, Pirelli, Ecopads, Fremax e Rio Custom.

Classificação da Sprint Race, após segunda etapa (quatro corridas):

Categoria PRO
1) Berlanda Jr/ Eduardo Berlanda, 100
2) Luca Milani, 80
3) Guido Cotta, 42
4) Matheus Marini, 32
5) Beto Giorgi, 26
6) Gustavo Kiryla, 16
7) Paulo Ramos, 0

Categoria GP
1) Kau Machado/ Jorge Martelli, 84
2) Marcus Peres/ Lucas Peres, 70
3) Caê Coelho, 60
4) Vinícius Margiota, 54
5) Cláudio Buschmann, 52
6) Gerson Campos, 26
7) Cássio Cortes, 0

Calendário
20/03 - Curitiba (PR) - AIC - Circuito Misto
24/04 - São Paulo (SP) - Interlagos
29/05 - Curitiba (PR) - AIC - #Inverse Track/Grid
19/06 - Curitiba (PR) - AIC - #Oval
31/07 - Mogi-Guaçu (SP) - Velo Città*
18/09 - Londrina (PR) - #NightChallenge
23/10 - Cascavel (PR) - #SetUpFree
18/12 - São Paulo (SP) - Interlagos - #Pontuação Dobrada
*Sujeito à alterações - alternativo

Mais informações:
Site: www.sprintrace.com.br
Facebook: Sprint Race Brasil
Twitter: Sprint Race

Assessoria de Imprensa da Sprint Race:
SIG Comunicação - sig@sigcomunicacao.com.br

Deixe seu comentário