sexta-feira, 13 de novembro de 2015

Pilotos mineiros doaram quase duas toneladas de alimentos para as vítimas de Mariana

0 comentários
Foto: Divulgação
Kit social arrecadado pela Federação Mineira de Automobilismo nas provas do Mineiro de Kart foi completamente destinado às vítimas da tragédia

A solidariedade tem sido marcante nos últimos dias no estado de Minas Gerais. Após o rompimento das barragens na cidade de Mariana, região central do estado, veio à tona o grande poder de mobilização e união em torno do que se tornou a maior tragédia já vista em Minas.

O mar de lama que inundou vários distritos da cidade de Mariana deixou milhares de pessoas desabrigadas e, carentes de toda e qualquer ajuda. Desde água potável, roupas e todos os tipos de alimentos os desabrigados estão, hoje, vivendo graças à ajuda vinda de várias partes.

Sensibilizada diante do gravíssimo quadro que se instaurou na região a Federação Mineira de Automobilismo, através de sua diretoria, resolveu por também ajudar diretamente a estas pessoas.

Desde 2011, nas provas do Campeonato Mineiro de Kart, cada competidor faz a doação de um kit social que, normalmente, é destinado para entidades assistenciais da região metropolitana de Belo Horizonte. Nos quatro primeiros anos estas doações foram feitas em produtos e, neste ano, a cada uma das etapas foi feito um depósito para que no fim da temporada fosse feita uma doação mais volumosa, em nome de todos os competidores.

Assim, diante de pessoas com necessidades básicas para a sobrevivência, a FMA destinou a totalidade dos recursos para a compra de alimentos não perecíveis para as vítimas. Com apoio do SERVAS - Serviço Voluntário de Assistência Social, que indicou os alimentos com maior carência, a FMA fez nesta quinta-feira as doações de arroz, açúcar, óleo de soja e vários outros tipos de alimentos totalizando quase dois mil quilos.

"Nos quatro primeiros anos destas doações sempre atendemos entidades com os alimentos doados diretamente pelos pilotos. Este ano nós criamos um fundo em dinheiro, também depositado por cada um dos competidores, especificamente para este fim. Diante do caos instaurado naquela região, não tivemos dúvidas de que investir as contribuições para o auxílio naquela região seria de grande valia social. Esperamos sinceramente que outros setores da sociedade também possam destinar sua solidariedade porque, realmente, a situação por lá está catastrófica", declarou Pedro Sereno, presidente da FMA.

Assessoria de comunicação da Federação Mineira de Automobilismo - FMA
Assessoria de comunicação do Kartódromo RBC Racing
Jornalistas Responsáveis: Flávio Quick e Fabiola Cadar
Quick Comunicação e Marketing
Fone: +5531 9955-1420
E-mail: quick@quickcomunicacao.com.br

Deixe seu comentário