quarta-feira, 23 de setembro de 2015

José Duarte encara "desafio duplo" em Goiânia

0 comentários
Foto: Calan Sanderson
Piloto cearense espera superar posição da etapa disputada em maio

Domingo, 28 de maio de 2015. A data será lembrada por muito tempo pelo piloto cearense José Duarte (Blinclass/Capacetes Shark/Instituto Le Santé/Câmeras Replay/Macacões MSR) não por ele ter conquistado o lugar mais alto do pódio, mas sim pela superação na pista durante a terceira etapa do Moto 1000 GP, o Campeonato Brasileiro de Motovelocidade.

Na luta pela vitória da categoria GPR 250, Duarte foi sempre combativo naquele ensolarado domingo, e mostrou que qualquer resultado positivo no esporte tem de ser construído com uma boa carga de superação. Após uma queda, o atleta sofreu uma luxação no dedo polegar da mão esquerda e teve de esquecer a dor para levantar sua moto número 97 e somar o maior número de pontos possíveis.

Ocupando o terceiro lugar na classificação-geral da disputa pelo título, atrás de seu companheiro de equipe, Brian David, o segundo colocado; e Ton Kawakami, o primeiro, o cearense tem a certeza que aquele oitavo lugar pode ser contabilizado como uma vitória.

"Muita gente despreza um ponto, mas devemos buscar até meio ponto, pois, no fim do ano, esta pode ser a diferença que vai separar o campeão do vice. Goiânia é uma pista que gosto muito e sei o quanto posso andar aqui. Essa etapa será bem disputada, todos estão treinando muito, evoluíram e eu preciso superar a falta de treinos no Ceará, onde não nos permitem treinar no autódromo nem no kartódromo, nos obrigando a improvisar, mas quem disse que o doce é o primeiro prato de uma refeição? Para ter direito ao melhor da mesa é preciso passar por sabores mais salgados, e é assim na vida e no esporte, tudo é superação", disse o representante da Esrtrella Galícia 0,0 by Alex Barros.

José Duarte recebe assistência do coach Amarílio Barbosa, que tem intensificado o trabalho para aprimoramento da técnica de frenagem, tangência, tomada e saída de curva. Nesta segunda (21), os dois passaram três horas dedicadas à preparação na pista do estacionamento do Centro Administrativo do Cabeba, local onde reúne secretarias de governo, Tribunal de Justiça e de Contas.

"Temos que improvisar. Chego bem cedo, limpo a pista, armo os cones e, quando o Duarte chega não paramos um minuto. Essa não é a condição ideal de treino, pois o autódromo, ou até mesmo o kartódromo seria ideal, mas não podemos ficar imaginando o traçado apenas no quadro branco. Depois da teoria vem a prática e é isso que temos no momento. Mas ele é guerreiro e se apega a essa chance de treinar como se fosse em um autódromo. Em uma coisa ele já venceu, na vontade de vencer", afirmou um empolgado Amarílio.

Duarte inicia as atividades na pista de Goiânia na sexta (25), com a realização dos primeiros treinos livres. No sábado (26), acontece a tomada de tempo para formação do grid de largada, no domingo (27), às 12h40min, com transmissão dos canais Bandsports e Esporte Interativo, do portal Terra e do site www.moto1000gp.com.br.

Acompanhe o piloto no Facebook: www.facebook.com/joseduartepiloto

Assessoria de Imprensa - Jornalista Robério Lessa
(85) 99412.6930 - 99603 2344
roberiolessa@gmail.com

Deixe seu comentário