quinta-feira, 2 de julho de 2015

Sul-Americano de Kart Rotax encerra fase de treinos livres em Florianópolis

0 comentários
Foto: Mario Ferreira
Nos treinos de ontem pilotos da Colômbia, Estados Unidos e Argentina figuram entre os mais rápidos, colocando pressão sob os brasileiros

FLORIANÓPOLIS (SC) – O Campeonato Sul-Americano de Kart Rotax encerra amanhã (sexta-feira) a fase de treinos, quando os pilotos concluíram os acertos de seus karts para a fase decisiva da competição. As atividades de pista serão das 8 às 17 horas. Cada categoria terá cinco treinos.
Para o sábado estão previstas as tomadas de tempos para a definição do grid de largada das categorias Micro Max, Mini Max, Júnior Max, Max Masters, Max, DD2 Masters e DD2 e também as três provas classificatórias de todas as categorias. Já no decisivo domingo, cada categoria terá a pré-final e a final, definindo os novos campeões da América do Sul.

Treinos de hoje
Hoje (quinta-feira), segundo dia de treinos, vários pilotos tiveram atuação destacada.
Na categoria Micro Max, o brasileiros João Vitor Barcelos e a Colômbia Valéria Vargas duelaram durante os cinco treinos. João Vitor foi o mais rápido em quatro e Valéria liderou o quarto treino. No fim do dia, João Vitor foi o mais rápido, com 1m00s048 e Valéria a segunda melhor, com a marca de 1m00s440.

Tomas Kuehne, do Brasil, com o tempo de 57s325, obtido logo no primeiro treino, foi o mais rápido do dia na categoria Mini Max. O colombiano Juan Rodriguez foi o segundo melhor do dia, com a marca de 57s524, obtido no terceiro treino.

Na categoria Júnior Max, o primeiro treino, logo no período da manhã apontou os três mais rápidos do dia. Nicolas James Brueckner, dos Estados Unidos, ficou com primeira colocação com o tempo de 54s103, seguido dos brasileiros Guilherme Palhari, com 54s191, e Marcel Coletta, com 54s302.
O brasileiro Marcus Rubin foi o mais rápido em quatro treinos da categoria Max Masters e com o tempo de 54s920, obtido no quarto treino, coloca como o melhor do dia. O também brasileiro Roberto Christianini ocupou a primeira colocação no quinto treino e com o tempo de 54s993, foi o segundo mais rápido do dia.

A categoria Max teve quatro pilotos como lideres de treinos. O brasileiro Pedro Sanchez, que liderou o primeiro treino, terminou como o melhor do dia, com o tempo de 54s309. Os outros treinos foram liderados por João Cunha (54s733), Lucas Travaglini (54s957), João Rosate (54s580 quarto treino e 54s456 no quinto).

O equilíbrio marcou os treinos a categoria DD2. O brasileiro Fernando Guzzi foi o melhor do dia, com o tempo de 53s486 conseguido no primeiro treino. Ao liderar o terceiro treino com 53s676, o argentino Gabriel Zughella foi o segundo mais rápido da quinta-feira. Ele foi apenas um milésimo de segundo mais rápido do que o brasileiro Fernando Guzzi, que liderou o segundo treino com 53s677.

Os brasileiros foram os melhores da categoria DD2. Murillo Della Coletta fechou o dia como o mais rápido, com o tempo de 53s007. Em segundo ficou Yuri comm53s057. O argentino Ezequiel Baldinelli, que liderou o quarto treino, foi o terceiro mais rápido do dia, com 53s366.

O Campeonato Sul-Americano de Kart Rotax tem promoção da Mach 5, com supervisão da Fauesc (Federação de Automobilismo do Estado de Santa Catarina) e da CBA (Confederação Brasileira de Automobilismo).

SDS
Assessoria de imprensa do Sul-Americano de Kart Rotax
Jornalista Responsável: José Barone – Mtb 3425-SC
Texto: Luiz Aparecido – Sind. Jorn. Prof. Pr sob nº 1.131
Fone: (45) 9101-4555

Deixe seu comentário