terça-feira, 16 de dezembro de 2014

Hitech Racing completa temporada 2014 satisfeita com primeira experiência nas 500 Milhas de Londrina

0 comentários
Foto: Vanderley Soares
Na pista com Beto Richa, Paulo e Lorenzo Varassin, o time chefiado por Rodrigo Contin foi um dos destaques da prova com o MRX Itajui, o mais rápido em todos os treinos, mas protótipo enfrentou problemas na metade da prova e impediu luta pela vitória no último sábado

Dentre tantas experiências novas vividas pela Hitech Racing Brazil na temporada 2014, uma das mais marcantes foi a participação, no último fim de semana (11 a 13 de dezembro), nas 500 Milhas de Londrina, uma das principais provas do endurance brasileiro. Depois de disputar de forma intensa os campeonatos da F3 Brasil, Brasileiro de Turismo e Mercedes-Benz Challenge, a equipe sediada em Pinhais, no Paraná, fez sua estreia em corridas de longa duração. O desafio foi encampado por um rol de pilotos experientes e campeões em edições passadas: Beto Richa, Paulo e Lorenzo Varassin, que guiaram o protótipo MRX Itajui, o mais rápido da pista desde o primeiro dia de treinos. Contudo, problemas elétricos e mecânicos no carro encerraram de forma prematura a jornada da equipe e impediram que o trio lutasse por mais uma vitória em Londrina.

Embora a Hitech Racing tenha feito sua estreia nas 500 Milhas de Londrina, o time contou com pilotos, mecânicos e engenheiros com bastante experiência na corrida, o que ajudou muito desde o início das atividades de pista com o MRX Itajui, que voltou a mostrar o forte desempenho que o fez campeão das clássicas 12 Horas de Tarumã em 2013. Governador do Estado do Paraná e amante do automobilismo, Beto Richa disputou várias vezes a prova e sagrou-se vencedor em 2012, enquanto Paulo e Lorenzo Varassin foram bicampeões, em 2005 e 2006. O experiente trio conquistou a pole-position e abriu a disputa com todas as condições de lutar por mais um triunfo no Autódromo Internacional Ayrton Senna.

Paulo Varassin abriu a corrida com o protótipo #37 e imprimiu um ótimo ritmo antes de entregar a condução do carro para Beto Richa, que também mostrou ser muito rápido na pista. Perto da terceira hora de prova, porém, problemas começaram a comprometer a corrida da Hitech Racing. Uma falha na bomba de combustível do MRX Itajui fez a equipe perder sete voltas nos boxes para reparos. Depois do conserto realizado, foi a vez de Lorenzo Varassin assumir o volante e buscar recuperar terreno perdido. Entretanto, um problema no alternador fez o protótipo ficar parado na pista. O piloto ainda conseguiu levar o carro aos boxes, e os mecânicos trabalharam para colocar o MRX de volta à pista, mas a equipe não teve alternativas e, pouco depois, abandonou a disputa em Londrina.

Apesar da decepção por não conseguir vencer a corrida depois de ótimo desempenho nos treinos e nas sessões classificatórias, Rodrigo Contin destacou a estreia da Hitech Racing no endurance e também pela participação destacada dos pilotos, mecânicos e engenheiros. O chefe da equipe de Pinhais ficou muito feliz por estar num evento de ótima atmosfera, destacou o empenho e o bom trabalho de Paulo e Lorenzo Varassin, que representaram a Hitech Racing no Mercedes-Benz Challenge e também elogiou o desempenho e a participação de Beto Richa, que agregou experiência à equipe e foi rápido enquanto esteve na pista. Na visão de Contin, o trabalho em conjunto foi a chave para um bom fim de semana que, se não resultou em vitória, trouxe mais um aprendizado para o time, que pretende voltar a disputar outras provas de endurance.

Rodrigo Contin:

"Terminamos a temporada 2014 com mais uma experiência inédita para a Hitech Racing. Fazer parte de uma prova de longa duração como as 500 Milhas de Londrina é muito importante para a nossa história, esses últimos dias aqui foram de muito aprendizado, de muito trabalho por parte de todos nós. No endurance não basta ser rápido, é preciso ser constante e ter pela frente o mínimo possível de problemas, porém enfrentamos algumas quebras que não nos permitiram lutar pela vitória. Mas só posso dar os parabéns ao Beto Richa, Paulo e Lorenzo Varassin pelo empenho na pista, parabéns também aos mecânicos e engenheiros que fizeram da equipe um dos destaques do fim de semana. Voltamos para casa satisfeitos com o que mostramos na pista, e isso nos dará mais força e motivação para a temporada 2015."

Deixe seu comentário